urban-art-galleries-and-contemporary-to-visitSe está de visita a Portugal e planeia conhecer mais a fundo a sua capital, prepare-se para ver obras de arte verdadeiramente espantosas. As galerias de arte lisboetas, as suas ruas em paralelos, as paredes coloridas e os monumentos históricos parecem inspirar a criação artística, exposta em diversos museus e galerias independentes da cidade, que incluem já a obra de muitos artistas urbanos:

  • Alecrim 50: Fundada em 2006, esta galeria está situada na Rua do Alecrim, num dos bairros mais elegantes de Lisboa. Mantém exibições de pintura, desenho, escultura, fotografia e instalações de artistas jovens e emergentes, além de promover a arte inovadora. Organiza exposições individuais e de grupo e apresenta uma mostra temática uma vez por ano. Tem um Serviço de Arte para Alugar, que permite a empresas e instituições decorar os seus escritórios com obras de vanguarda. Os artistas que têm os seus trabalhos na Alecrim 50 são: André Almeida e Sousa, Luísa Jacinto, Bela Silva e Domingos Rego.
  • Underdogs: Muito mais do que uma galeria, é uma verdadeira plataforma de arte urbana, estabelecida em 2010. Inclui um espaço para exposições, a produção de edições de arte originais, uma loja e visitas guiadas que dão a conhecer as obras produzidas ao abrigo do Programa de Arte Pública Underdogs. Promove artistas urbanos já estabelecidos e os mais recentes aspirantes. Alguns dos nomes que aqui expõem são: +MaisMenos-, Wasted Rita a Smart B. Além dos portugueses, há também artistas internacionais: Finok, Cyrcle, Martha Cooper e Alex Fakso.
  • Trema: Aberta ao público desde 1992, é uma das galerias mais antigas. Exibe pintura, escultura, desenho e instalações de artistas portugueses contemporâneos, como Ana Sofia Gonçalves, Bela Silva e Joana Rosa Bragança.
  • António Prates: Tem feito exposições de artistas contemporâneos de todas as gerações, apresentando pelo menos quatro exposições individuais por ano. A galeria colabora com outros museus em diferentes eventos internacionais. Alguns dos artistas aqui expostos são: Alberto Reguera, Vera Fonseka e Ken Rinaldo.
  • Galeria Cristina Guerra: Apoia o trabalho concetual de mais de 20 artistas, cuja originalidade Cristina Guerra encoraja. Entre eles, contam-se: Filipa César, João Onofre, Rui Toscano e Yonamine.